O Projecto
A VIA NOVA - História
Construção e manutenção da VIA NOVA
O Cursus Publicus
Viajar na Geira
Paisagem
A Circulação na Via
Mansiones
Mutationes
Milhas
Miliários
Milha XII
Milha XIII
Milha XIV
Milha XV
Milha XVI
Milha XVII
Milha XVIII
Milha XIX
Milha XX
Milha XXI
Milha XXII
Milha XXIII
Milha XXIV
Milha XXV
Milha XXVI
Milha XXVII
Milha XXVIII
Milha XXIX
Milha XXX
Milha XXXI
Milha XXXII
Milha XXXIII
Milha XXXIV
Milha XXXV
Milha XXXVI
Milha XXXVII
Milha XXXVIII
Milha XX

Actualmente conservam-se dois miliários, em Penedo dos Ladrões, lugar de Saim, freguesia de Chorense, a uma altitude de 430 metros. De acordo com Amaro Carvalho da Silva, um dos miliários pode ser atribuí­do ao imperador Carino (283-285) e o outro será anepí­grafe. Segundo o mesmo autor foram descobertos durante uma campanha de limpeza da Geira, por uma equipa de funcionários da Câmara Municipal de Terras do Bouro e jovens integrados num programa de ocupação de tempos livres.

O traçado entre esta milha e a seguinte está, genericamente, bem conservado. A via cruza uma ribeira aos 159 metros. Ocorre um tramo lajeado entre os 470 e 493 metros, atravessando uma segunda ribeira (Ribeira da Pala da Porca). Neste troço (entre os 470 e 493 metros) está ligeiramente degradada. Cruza uma terceira ribeira aos 683 metros, coincidindo com a calçada de cerca de trinta metros entre os 683 e 700 metros. Foi cortada por uma estrada de terra batida a 1256 metros, caminho que dá acesso a várias propriedades. Pouco depois é atravessada pelo caminho municipal que liga Vilar a Travassos.

A distância entre os marcos das milhas XX e XXI é de 1650 metros.

Mapa da milha XX; base cartográfica do Instituto Geográfico Militar adaptada pelo Parque Nacional da Peneda-Gerês.
1/4