O Projecto
A VIA NOVA - História
Construção e manutenção da VIA NOVA
O Cursus Publicus
Viajar na Geira
Paisagem
A Circulação na Via
Mansiones
Mutationes
Milhas
Miliários
 
SALANIANA
AQUIS ORIGINIS
AQUIS QUERQUENNIS
Mansiones

Os locais de descanso, mansiones, ficavam a distâncias variáveis, conforme as caracterí­sticas do percurso e a rede de povoamento. Algumas mansiones foram fundadas ex nihilo e deram origem a importantes aglomerados. Outras foram instaladas junto de povoados pré-existentes. Nas mansiones, para além da estalagem, que albergava os viandantes, existiam termas e mercados de abastecimento. Em algumas proví­ncias do Império foi calculado que a distância média entre as mansiones era cerca de 35 quilómetros. Ao longo da VIA NOVA o Itinerário de Antonino refere onze mansiones: Salaniana (Saim Velho?); Aquis Originis (Banhos de Rio Caldo); Aquis Querquennis (Banhos de Bande); Geminis (Sandiás); Salientibus (Tioria); Praesidio (San Pedro de Burgo); Nemetobriga; Forum Gigurrorum (A Rua); Gemestario; Bergidum Flavium (Cacabelos-Ponferrada); e Interamnium Flavium.

Pelo que se depreende do contexto em que situam cada uma destas mansiones, o factor estratégico, terá sido decisivo, na escolha dos locais. A tí­tulo complementar, a existência de fontes termais parece ser um segundo factor na implantação das mansiones.

Reconstituição de templo e mansiones (www.iniciativalanucia.org/ atchoum/SB01.htm).